Pular para o conteúdo principal




→ Passport ←

Think before you act


Provérbios 2:11-12 


(Nova Tradução na Linguagem de Hoje)

O seu entendimento e a sua sabedoria o protegerão, e o livrarão de fazer o mal. Assim, você ficará longe das pessoas que vivem dizendo mentiras.


Palavras do rei Salomão de Israel, filho de Davi, escritas entre 970-967 a.C., antes dos preparativos da contrução do Templo de Jerusalém (1 Reis 5; 2 Crônicas 2).



Comentários:

Todos os seres humanos devem praticar a arte de analisar e refletir; como cristãos, devemos ter essa habilidade bem desenvolvida, pois JESUS nos deu um ótimo exemplo de pensar antes de agir.

Na Bíblia, encontramos inúmeras ocasiões em que JESUS não se deixou levar pelas emoções, mas parou para pensar, analisar a situação e, em seguida, Ele conseguiu tomar as melhores decisões que O libertaram de momentos de perigo e, acima de tudo, nos deu lições em cada uma de Suas ações.

Uma decisão a tempo pode fazer a diferença em nossas vidas. É imperativo não se deixar levar pelas emoções do momento, mas primeiro pensar, refletir e avaliar nossas decisões antes de executá-las, porque nós, seres humanos, tendemos a pensar mais nas coisas que foram feitas (aquelas que já aconteceram e não têm retorno), do que naquelas que estamos prestes a fazer.

¿Quântas vezes nos aconteceu que fazemos algo e depois nos arrependemos, e gostaríamos de voltar o tempo para agir de maneira diferente? É um sentimento desesperado que gera impotência, onde nos perguntamos: «¿Por quê fizemos o que fizemos?», sentindo-nos arrasados. Para não nos envolvermos nessas situações, é necessário seguirmos o exemplo de JESUS, ​​e pedirmos que a sabedoria Divina tome a melhor decisão após analisar nossas opções, pois cada ação gera uma conseqüência. Se forem boas ações, trarão excelentes frutos. Se forem ações ruins, trarão maus efeitos.

Às vezes, esses resultados não chegam até nós imediatamente, mas cedo ou tarde virão. É por isso que vemos pessoas reclamando de suas vidas e se perguntando: «¿Por quê isso está acontecendo comigo?»; mas não vemos pessoas se perguntando: «¿Estarei colhendo as conseqüências de minhas decisões e erros?». Isso não significa que todos tem de ser pecados mortais, mas devemos considerar que tomamos decisões todos os dias, e cada uma delas terá uma conseqüência, que pode ser boa ou ruim, mas que sempre terá um impacto no curso de nossas vidas. Portanto, devemos tomar decisões, dando-lhes a importância necessária, evitando decisões precipitadas.

JESUS, mesmo em tempos de pressão (onde a multidão estava prestes a apedrejá-lo, exigindo decisões e respostas imediatas), tomava Seu tempo para pensar e pedir sabedoria; Ele então surpreendeu a todos com Suas respostas e ações, apaziguando as pessoas e dando-lhes uma lição de vida. Vamos seguir o exemplo de CRISTO JESUS, e não tomarmos decisões precipitadas, porque, como afirma o ditado: «Da ansiedade só resta a fadiga».