Pular para o conteúdo principal




→ Passport ←

Act in humility


Filipenses 2:3


(Versão Fácil de Ler)

Não façam nada por interesse pessoal ou vaidade. Pelo contrário, ajam com humildade, e cada um considere os outros superiores a si mesmo.


Palavras do apóstolo Paulo de Tarso, desde sua prisão em Roma, dirigidas aos cristãos de Filipos, na província romana da Macedônia, entre 60-64 d.C.


Comentários:

¿Será que você e algum irmão da congregação não se dão muito bem? Talvez você não goste muito da personalidade dele. É muito importante tentar vencer esse sentimento negativo. Se não, ele pode durar por muito tempo.

Ser hospitaleiro pode ajudar a fortalecer amizades, e até a resolver assuntos entre inimigos (Provérbios 25:21-22). Quando somos hospitaleiros, temos a chance de resolver mal-entendidos, e manter a paz com outros. Fica mais fácil ver as qualidades da outra pessoa, e entender por quê YHWH a escolheu para conhecer a verdade (João 6:44).

Uma grande amizade pode surgir de um convite inesperado. Mas esse convite deve ser feito por amor. ¿Cômo você pode fazer isso? Um jeito é aplicar o que diz esta passagem bíblica. Cada um de nossos irmãos é superior a nós em alguma coisa. Alguns podem ter mais fé, mais perseverança, mais coragem, ou outra qualidade que nós não temos. Pensar nisso vai nos ajudar a amar mais os irmãos, e a ser hospitaleiros com eles.

Most visited posts of this week:

Seven reasons to fast

Sete motivos para jejuar
O jejum é a prática de não se alimentar durante determinado tempo (1 Reis 21:9). É voluntário, exige pureza de vida (Isaías 58:3-7), e exclui a exibição (Mateus 6:16-18). Em duas passagens bíblicas relata-se que a liderança da Igreja, seguindo o costume hebraico, orou com jejum (Atos 13:2-3; 14:23).

A prática do jejum não é obrigatória (exceto em Yom Kippur), mas é uma recomendação bíblica, porque as Escrituras trazem consigo alguns princípios que devem ser entendidos e seguidos.

Por isso, eis 7 motivos para jejuar:

1.- Crescer em intimidade com JESUS.
2.- Adquirir sabedoria e direção.
3.- Receber proteção.
4.- Experimentar o poder de DEUS.
5.- Esperar o cumprimento das promessas de DEUS em nossas cidades e nações.
6.- Deter uma crise individual, familiar ou nacional.
7.- Receber revelação profética do final dos tempos.

Kenneth Hagin afirmou o seguinte: «O jejum não muda a DEUS. Ele é o mesmo antes, durante e depois de seu jejum. Mas, jejuar mudará você. Vai l…