Pular para o conteúdo principal




→ Passport ←

Saving Grace


Tito 2:11-13


(Nova Versão Transformadora)

11) Pois a Graça de DEUS foi revelada e a todos traz salvação.
12) Somos instruídos a abandonar o estilo de vida ímpio e os prazeres pecaminosos. Neste mundo perverso, devemos viver com sabedoria, justiça e devoção,
13) enquanto aguardamos esperançosamente o dia em que será revelada a glória de nosso grande DEUS e Salvador, JESUS CRISTO.


Palavras do apóstolo Paulo de Tarso, entre sua primeira e segunda prisão, dirigidas a seu discípulo Tito, em 64-65 d.C.


Comentário:

Aqui, a Graça de Deus é virtualmente sinônimo do FILHO DE DEUS. A Graça de DEUS foi manifestada na visita do SENHOR JESUS ​​ao nosso mundo e, de um modo especial, quando Ele se entregou pelos nossos pecados. Ele apareceu para a salvação de todos os homens. Sua obra substituta é suficiente para a redenção de todos. A todos é oferecida uma oferta genuína de perdão e salvação. Mas somente aqueles que realmente O recebem como Senhor e Salvador são salvos. Não há nenhuma sugestão, nem aqui nem em qualquer outra passagem da Bíblia, de que no final todos serão salvos. A salvação universal é uma mentira do diabo.

A mesma graça que nos salva, também nos instrui na escola da santidade. Há coisas inaceitáveis ​​para esta escola que devemos aprender a renunciar. O primeiro é impiedade, o que significa irreligião. O segundo é ter desejos mundanos, pecados não apenas sexuais, mas a ganância por riqueza, poder, prazer, fama ou qualquer outra coisa que é essencialmente mundana.

Do lado positivo, a Graça nos ensina a viver sóbria, justa e piedosamente na pura luz de Sua Presença. Estas são as virtudes que devem nos caracterizar neste mundo, onde tudo ao nosso redor será dissolvido. Este mundo é o caminho da nossa peregrinação, e não o nosso lar definitivo.

Enquanto vivemos como estrangeiros no mundo, somos inspirados por uma esperança gloriosa: a manifestação da Glória de nosso grande DEUS e Salvador JESUS CRISTO. ¿Devemos entender isso como o arrebatamento, quando CRISTO aparecerá em Glória para a igreja e a levará para o céu? (1 Tessalonicenses 4:13-18). ¿Ou se refere à vinda de CRISTO para reinar, quando aparecerá em Glória ao mundo, derrubará Seus inimigos e estabelecerá Seu reino? (Apocalipse 19:11-16). Basicamente, acreditamos que Paulo está se referindo à primeira coisa: a vinda de CRISTO por Sua esposa, a igreja. Mas se é a Sua vinda como Esposo ou como Rei, o crente deve estar preparado para a Sua chegada gloriosa.

Most visited posts of this week:

Shavuot (Pentecost)

Pentecostes é o nome grego para um festival bíblico conhecido em língua hebraica como Shavuot: a Festa das Semanas (Levítico 23:15; Deuteronômio 16:9). A palavra grega significa «cinqüenta», e refere-se às cinco dezenas de dias que transcorrem desde a oferta movida da Páscoa (Levítico 23:4-22). A Festa das Semanas (Shavuot) celebra o fim da colheita de grãos.

Esta celebração é a segunda das três grandes festas anuais do Pentateuco (Torá). As outras são a Páscoa/Festa dos Pães sem Fermento, e Sucot/Festa dos Tabernáculos (Êxodo 23:14-16; Levítico 23:15-21; Números 28:26-31; Deuteronômio 16:9-12).

Etimologia
A Festa das Semanas (Shavuot) adquiriu o nome de Pentecostes, por causa de que se comemorava no dia qüinquagésimo a partir da jornada em que era movido o molho (feixe) da oferta (Levítico 23:15).

Em hebraico, o nome desta festa é Shavuot. Este vocábulo é plural de Shavua, que em hebraico significa «semana». Portanto, Shavuot significa «semanas».

Em grego, o nome desta festa é Pentec…