Pular para o conteúdo principal




→ Passport ←

God's request


Miqueias 6:8


(Nova Versão Transformadora)

Ó povo, YHWH já lhe declarou o que é bom, e o que Ele requer de você: que pratique a justiça, ame a misericórdia, e ande humildemente com seu DEUS.


Palavras do profeta Miqueias de Moresete, redigidas entre 745 e 695 a.C. (durante os reinados de Jotão, Acaz e Ezequias de Judá), dirigidas ao povo de Samaria e Jerusalém (respectivas capitais dos reinos hebraicos de Israel e Judá).


Comentário:

¿O quê o ALTÍSSIMO espera em troca? Não sacrifícios extravagantes de animais, nem sacrifícios humanos, ¡mas justiça, misericórdia e humildade! Este verso 8 de Miquéias 6 descreve o que DEUS requer: para obedecer, a pessoa precisa ter vida divina. Uma pessoa não convertida é totalmente incapaz de produzir esse tipo de justiça.

Israel respondeu ao pedido de DEUS, tentando apaziguá-lo com sacrifícios, esperando que Ele os deixasse em paz. Mas sacrifícios e outros rituais não são suficientes: DEUS quer mudar nossas vidas. Ele quer que o Seu povo seja justo, reto, misericordioso e humilde. DEUS quer que sejamos sacrifícios vivos (Romanos 12:1-2). Não apenas realizarmos atos religiosos, mas vivermos corretamente (Jeremias 4:4; Hebreus 9:14). É impossível viver uma vida tão firme sem o amor transformador de DEUS em nossos corações.

As pessoas têm tentado todas as formas possíveis para agradar a DEUS (Miqueias 6:6-7), mas Ele deixou claro Seus desejos: Ele quer que Seu povo seja justo e misericordioso, e ande humildemente com Ele. Em nossos esforços para agradar a DEUS, vamos examinar essas áreas regularmente. ¿Somos justos nas nossas relações com as pessoas? ¿Nós mostramos misericórdia àqueles que nos prejudicam? ¿Estamos aprendendo a sermos humildes? Somente aqueles que obedecem a DEUS, porque querem agradá-Lo, vivem em um relacionamento adequado com Ele.

Most visited posts of this week:

Shavuot (Pentecost)

Pentecostes é o nome grego para um festival bíblico conhecido em língua hebraica como Shavuot: a Festa das Semanas (Levítico 23:15; Deuteronômio 16:9). A palavra grega significa «cinqüenta», e refere-se às cinco dezenas de dias que transcorrem desde a oferta movida da Páscoa (Levítico 23:4-22). A Festa das Semanas (Shavuot) celebra o fim da colheita de grãos.

Esta celebração é a segunda das três grandes festas anuais do Pentateuco (Torá). As outras são a Páscoa/Festa dos Pães sem Fermento, e Sucot/Festa dos Tabernáculos (Êxodo 23:14-16; Levítico 23:15-21; Números 28:26-31; Deuteronômio 16:9-12).

Etimologia
A Festa das Semanas (Shavuot) adquiriu o nome de Pentecostes, por causa de que se comemorava no dia qüinquagésimo a partir da jornada em que era movido o molho (feixe) da oferta (Levítico 23:15).

Em hebraico, o nome desta festa é Shavuot. Este vocábulo é plural de Shavua, que em hebraico significa «semana». Portanto, Shavuot significa «semanas».

Em grego, o nome desta festa é Pentec…